Rastreabilidade é a capacidade de recuperar o histórico de um produto ou processo, mapeando todas as fases da operação, as ações envolvidas e os respectivos responsáveis. Esses registros, que são feitos de forma automatizada, são fundamentais para garantir mais eficiência operacional e qualidade do produto final.

Dada a importância estratégica dos processos industriais de alto torque e tensionamento, é imprescindível que essas ferramentas sejam rastreáveis. Algumas empresas ainda fazem esse trabalho de maneira manual, o que não garante a total confiabilidade de resultados.

 RASTREABILIDADE NAS SOLUÇÕES DE ALTO TORQUE E TENSIONAMENTO

No uso das ferramentas eletrônicas pode-se obter um controle preciso do torque aplicado a determinado parafuso. Isso se dá porque componentes eletrônicos conseguem medir e registrar automaticamente os dados reais da operação, bem como sua qualidade, tempo e posição em que foi executada. Também identificam o operador que executou a tarefa. Ou seja, é possível saber tudo o que foi feito, conforme os procedimentos e normas preestabelecidas, viabilizando a detecção de falhas antes que o produto seja enviado ao cliente final.

QUAIS OS RISCOS DE UMA FERRAMENTA SEM RASTREAMENTO?

Se a ferramenta não é rastreável, caso ocorra algum problema depois do aperto do parafuso, uma inspeção deverá ser feita para investigar o ocorrido. Esse tipo de intervenção traz uma série de prejuízos em cadeia:

retrabalho;

perda de tempo em busca da localização do incidente;

perda de produtividade;

risco de reincidência do ocorrido;

desperdício de recursos;

possível aumento de custos.

Já quando o produto sai da fábrica sem que a falha tenha sido percebida, pode-se colocar o cliente em risco ou gerar insatisfação, além dos prejuízos com recall e má reputação da empresa no mercado. Uma solução de bolting inteligente elimina todos esses problemas.

 

QUE CENÁRIO INDICA A NECESSIDADE DE FERRAMENTAS RASTREÁVEIS?

Para saber se você precisa de ferramentas de bolting rastreáveis, tente responder as seguintes perguntas:

É possível identificar qual operador executou a operação de torque ou tensionamento no produto?

● Existe um controle de horário ou turno em que determinado item foi produzido?

● O valor do torque ou tensionamento de cada parafuso está devidamente registrado para consultas futuras?

● É possível assegurar que todo o processo foi executado na sequência correta em relação aos procedimentos necessários? Por exemplo: cada parafuso foi torqueado na sequência correta?

● Existe uma correlação entre processo e número de série do item em produção?

Se você respondeu NÃO para a maioria das perguntas, precisa implantar um processo de rastreabilidade urgentemente. Afinal, essa é uma exigência do mercado, que preza cada vez mais por melhorias e aperfeiçoamentos para garantir a competitividade da indústria.

A Atlas Copco oferece diversas soluções de bolting com rastreabilidade e você pode contar conosco para iniciar uma verdadeira revolução na sua linha de montagem. Estamos à disposição para ajudá-lo nessa missão.

Entre em contato com nossos especialistas e descubra como as ferramentas de bolting rastreáveis podem ajudar seu negócio.

Este artigo foi relevante para você?
[Total de votos: 0 | Média: 0]
NULL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *